Avaliação nas performances produtivas e reprodutivas de avestruz (<i>Struthio camelus</i>), no município de Santiago, RS

  • Bruna Vielmo Camargo URI- CAMPUS DE SANTIAGO
  • Karine Delevati Colpo URI-CAMPUS SANTIAGO

Resumo

Este trabalho apresenta uma avaliação nas performances produtivas e reprodutivas de avestruz (Struthio camelus) no município de Santiago, Estado do Rio Grande do Sul. O Brasil vem sofrendo diversos problemas econômicos, e a produção primária está sendo a maior afetada, o que leva o produtor a buscar maneiras diferentes de sobreviver. A exploração das ratitas está sendo considerada uma forma eficaz na busca de uma pecuária alternativa. O principal objetivo deste estudo foi avaliar as performances produtivas e reprodutivas de Struthio camelus na Região Centro Oeste do Rio Grande do Sul. Esta pesquisa foi desenvolvida no Setor de Avicultura do Departamento de Ciências Biológicas e Engenharia Agrícola da URI, Campus Santiago. Após coleta dos dados obtiveram-se os seguintes resultados: 1) O peso inicial do filhote não teve correlação com o número de dias de incubação; 2) A taxa de óbitos de Struthio camelus foi de 61,8%, sendo que a menor taxa de sobrevivência foi registrada para os ovos provenientes do criatório do P2, e este fato pode ser conseqüência do manejo dos ovos desde a postura até a chegada ao laboratório. Este estudo sugere que para pequenos produtores a criação de avestruz não é vantajosa. Palavras-chave: Ratitas, Avestruz, produção animal, incubação artificial

Biografia do Autor

Bruna Vielmo Camargo, URI- CAMPUS DE SANTIAGO
Bióloga,Especialista em Conservação da Biodiversidade, trabalhando na área de zoologia.
Karine Delevati Colpo, URI-CAMPUS SANTIAGO
Bióloga,Dra. em Zoologia, professora do Departamento de Ciências Biológicas da Uri- Campus de Santiago.
Publicado
2008-07-21
Seção
Artigos