Diagnóstico ambiental do Arroio Salso de Baixo e Rio Uruguai, Uruguaiana, RS, Brasil

  • Laura de C.G. de Carvalho
  • Sônia Maria da Silva
  • Jorge Figueiredo Gonçalves
  • Enrique Querol
  • Marcus V. Querol

Resumo

Neste trabalho é analisada a qualidade da água do arroio Salso de Baixo, Uruguaiana, no estado do Rio Grande do Sul. Foram feitas coletas mensais, no período de doze meses, de maio de 2001 a abril de 2002. Os parâmetros físico-químicos foram analisados seguindo recomendações do “Polikit Alfa Química”, enquanto que os coliformes fecais foram analisados através da técnica de tubos múltiplos determinando o seu número mais provável (NMP). A contagem de bactérias totais foi efetuada em placas de ágar nutriente. Os parâmetros estudados foram: oxigênio dissolvido, DBO, gás carbônico, temperatura do ar e da água, pH, dureza total, transparência, alcalinidade, amônia, condutividade elétrica, bactérias totais e coliformes fecais. A maioria dos parâmetros encontram-se dentro dos limites permitidos. As análises microbiológicas encontram-se alteradas, assim como, amônia e gás carbônico. Isto resulta em água imprópria para consumo, a principal causa da contaminação é a falta de saneamento básico em Uruguaiana. Palavras-chave: análise de água, qualidade da água, parâmetros físio-químicos, microbiologia.
Seção
Artigos