Reprodução natural e induzida de Hoplias malabaricus (Bloch, 1794), em tanques experimentais, na região de Uruguaiana, pampa brasileiro

  • Marcus V. M. Querol
  • Enrique Querol
  • Edward Pessano
  • Claudia Azevedo
  • Diego Tomassoni
  • Luciano Brasil
  • Paulo Lopes

Resumo

Neste trabalho são apresentados os resultados do estudo da reprodução natural e induzida de Hoplias malabaricus (BLOCH, 1794) em tanques experimentais, na região de Uruguaiana, Pampa Brasileiro. A pesquisa foi realizada no setor de piscicultura da PUCRS – Campus Uruguaiana. Verificouse a influência dos fatores físico-químicos sobre os aspectos biológicos da reprodução considerando os valores obtidos, normais para o cultivo de peixes. O experimento foi realizado em tanques de 40 m2 e lâmina d’água de 1,40 m. Para a reprodução utilizou-se a proporção de 2 machos para cada fêmea. Na reprodução natural foram utilizados 2 tratamentos (A e B) com duas repetições. No T1 o volume de água do tanque foi reduzido para 80 cm pretendendo provocar um stress somado a uma pequena variação na temperatura que estimulasse a desova. No T2, a reprodução natural foi avaliada sem a redução do volume de água. Na reprodução induzida foi utilizada a Gonadotrofina Coriônica Humana (HCG) com um intervalo de 8 horas para cada aplicação hormonal, em dois tratamentos T1 e T2, sendo o T1 aplicado à proporção de (400 UI/Kg) sob uma lâmina d’água de 1,40m e no T2, a mesma dosagem de HCG com redução do volume de água para 80 cm. Observou-se que na reprodução induzida ocorre um decréscimo no tempo até a obtenção da desova, mas apesar do pequeno aumento observando neste período na reprodução natural, esta também foi eficiente na obtenção de ovos com alta taxa de fecundação, acima de 96%. Desta forma pode-se concluir que ambas formas de reprodução, natural e induzida foram eficientes e podem ser utilizadas na obtenção de ovos e larvas de Hoplias malabaricus e que quando se reduz o volume de água dos tanques se obtém a reprodução em menor intervalo de tempo. Palavras-chave: Piscicultura, reprodução natural e induzida, Erythrinidae, Hoplias malabaricus.
Publicado
2008-01-16
Seção
Artigos