A matemática nas avaliações das normalistas da Escola Normal Caetano de Campos (década de 1940)

Maria Célia Leme da Silva, Adauto Douglas Parré

Resumo


O artigo analisa a matemática presente em planos de ensino elaborados como avaliações das normalistas do Curso Normal da Escola Caetano de Campos, na cidade de São Paulo, durante a década de 1940. As avaliações foram produzidas na disciplina de Metodologia e Prática do Ensino Primário, no último ano da formação docente e apresentam Cálculo e Geometria como matérias a serem ensinadas no curso primário paulista. Tais avaliações são designadas como “plano globalizado”, que envolvem diferentes matérias a partir de um tema. A escola em questão é considerada como modelo da capital de São Paulo, local onde se instalou o Instituto de Educação de São Paulo, na década de 1930. O período foi marcado pelo movimento Escola Nova, tendo como um dos seus pressupostos o método de Dewey.


Palavras-chave


História da Educação Matemática, Formação de Professores, Escola Nova, Dewey

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Denis Herbert de. A matemática na formação do professor primário nos institutos de educação de

São Paulo e Rio de Janeiro (1932-1938). 2013. Dissertação (Mestrado em Educação e Saúde na Infância e na Adolescência) – Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Paulo, Guarulhos, 2013.

https://doi.org/10.11606/t.7.2009.tde-11012010- 121841

CHARTIER, Roger. A história cultural: entre práticas e representações. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1990.

CHERVEL, André. A História das disciplinas escolares: reflexões sobre um campo de pesquisa. Teoria & Educação, Porto Alegre, n. 2, p. 177-229, 1990.

ESCOLA NORMAL CAETANO DE CAMPOS. O eco. [S. l.]: Arquivo Histórico Caetano de Campos, 1945. Plano de Aula. ESCOLA NORMAL CAETANO DE CAMPOS. Uma festa de encerramento de ano. [S. l.]: Arquivo Histórico Caetano de Campos, 1943. Plano de Aula.

FÁVERO, Maria de Lourdes Albuquerque; BRITTO, J. M. Dicionário de educadores no Brasil. 2. ed. Rio de Janeiro: UFRJ, 1999.

HOFSTETTER, Rita; VALENTE, Wagner Rodrigues (org.). Saberes em (trans)formação: tema central da formação de professores. São Paulo: Livraria da Física, 2017.

https://doi. org/10.14393/che-v17n1-2018-17

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO CAETANO DE CAMPOS. A Bicicleta. [S. l.]: Arquivo Histórico Caetano de Campos, 1947. Plano de Aula.

MONARCHA, Carlos. Brasil arcaico, escola nova: ciência, técnica & utopia nos anos 1920-1930. São Paulo: UNESP, 2009.

https://doi.org/10.1590/s0102-46982012 000300013

PARRÉ, Adauto Douglas. Escola nova, escola normal Caetano de Campos e o ensino de matemática na década de 1940. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências: Educação e Saúde) – Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Paulo, Guarulhos, 2013.

https://doi.org/10.11606/d.8.2007.tde-03032008- 140341

PINHEIRO, Nara Vilma Lima. A aritmética sob medida: a matemática em tempos da pedagogia científica. 2017. Tese (Doutorado em Ciências) – Programa de Pós-Graduação em Educação e Saúde na Infância e na Adolescência, Escola

de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Paulo, São Paulo, 2017.

https://doi.org/ 10.11606/t.42.2019.tde-12042018-141555

ROMANELLI, Otaíza de Oliveira. História da Educação no Brasil. São Paulo: Cortez, 2010.

SAVIANI, Demerval. História das ideias pedagógicas no Brasil. 3. ed. Campinas: Autores Associados, 2011.

SILVA, Martha Raíssa Iane Santana da. A Matemática para a formação do professor do curso primário: aritmética como um saber profissional (1920-1960). 2017. Tese (Doutorado em Educação e Saúde na Infância e na Adolescência) – Programa de Pós-Graduação em Educação e Saúde na Infância e na Adolescência, Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Paulo, Guarulhos, 2017.

https://doi.org/10.7476/ 9788582937273.0006

SOUZA, Rosa Fátima de. Alicerces da pátria: História da escola primária no Estado de São Paulo (1890-1976). Campinas: Mercado de Letras, 2009.

VALDEMARIN, Vera Teresa. História dos métodos e materiais de ensino: a escola nova e seus modelos de uso. 36. ed. Petrópolis: Vozes, 2010.




DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1981-2582.2019.2.33880

Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org


Apoio Institucional – fev./dez. 2012 referente ao Edital MCTI/CNPq/MEC/CAPES Nº. 15/2011.




Educação

e-ISSN 1981-2582
ISSN-L 0101-465X


Avaliação do Qualis CAPES - 2014 
ÁREA CAPES - Educação
CLASSIFICAÇÃO - A2

E-mail: reveduc@pucrs.br



Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras.

Disponibilidade para depósito: Azul

 

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS