LA FÍSICA DE ARISTÓTELES Y LAS FÍSICAS "ARISTOTÉLICAS" DEOCKHAM

Francisco José Fortuny

Resumo


A partir de una consideración
de la epistemologia casi semiótica de Aristóteles
(valora que todo conocirniento y pensamiento
inevitablemente están mediados por un
conjunto de signos), se observa que la Physis se
inscribe en un itinerario que va dei aijé noético
hasta el télos dei Prirner Motor. Un concepto
fundamental y problemático es el de continuo,
una de cuyas especies, el movimiento, ocupó
mucho a los medievales Su tratamiento dei
continuo con una metáfora de la geometría
generativa produce un juego dinâmico que será
luego interpretado de diversas maneras.


Palavras-chave


Filosofia Medieval. Física. Aristóteles. Guglielmo de Ockham.

Texto completo:

PDF (Español (España))


DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1984-6746.1999.3.35232



ATENÇÃO

Sistema em manutenção

Migração do sistema OJS para a versão 3.0. Durante este período os usuários:

  • Poderão acessar todo o conteúdo já publicado
  • Não poderão efetivar encaminhamentos do fluxo editorial (submissão, avaliação, publicação)

Previsão: 06/07/2020


ISSN-L: 0042-3955 | e-ISSN: 1984-6746


Exceto onde especificado diferentemente, aplicam-se à matéria publicada neste periódico os termos de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional, que permite o uso irrestrito, a distribuição e a reprodução em qualquer meio desde que a publicação original seja corretamente citada. Copyright: © 2006-2020 EDIPUCRS