O Diácono Permanente: Servidor da Mesa da Palavra e mensageiro do Evangelho de Cristo

Julio Cesar Bendinelli

Resumo


O artigo, partindo dos textos exarados pelo Concílio Vaticano II e dos documentos magisteriais pós-conciliares, mostra a importância do munus docendi ecclesiae conferido ao diácono permanente em virtude de sua ordenação sacramental. Conclui que o encargo diaconal no campo da evangelização tem sido muito pouco aproveitado, incentivado ou valorizado na Igreja e na sociedade. Sendo assim, os diáconos devem assumir a parcela do serviço que lhes cabe como mensageiros da Palavra, pois certamente têm mais funções no âmbito da pregação e do ensino do que atualmente exercem, haja vista que tudo quanto se refere à pregação do Evangelho, à catequese, à difusão da Bíblia e sua explicação ao povo lhes foi conferido ordinariamente.

Palavras-chave


Diaconato permanente. Mesa da Palavra de Deus.

Texto completo:

PDF


ISSN-L: 0103-314X

e-ISSN: 1980-6736



Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

 Copyright: © 2006-2020 EDIPUCRS