A situação do homem pecador e a necessidade da graça – Relação natureza e graça

Pedro Alberto Kunrath

Resumo


Deus quer comunicar-se e infundir o seu amor. Esta é a primeira e a única intenção de seu desígnio. Tudo o mais existe para que possa realizar-se essa realidade única. E assim, Deus criou aquele que pode conhecê-lo, amá-lo e servi-lo e o cria em modo tal que possa receber o amor que é o próprio Deus, e contemporaneamente o possa receber como é, o dom surpreendente, o dom incriado e indevido, a salvação.

Palavras-chave


Graça natural/sobrenatural. Natureza. Graça incriada/criada. Natural/supernatural grace. Nature. Not created/created grace.

Texto completo:

PDF


ISSN-L: 0103-314X

e-ISSN: 1980-6736



Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

 Copyright: © 2006-2020 EDIPUCRS