O estudo psicossocial das emoções: revisão e discussão sobre a investigação atual

Simone Belli, Lupicinio Íñiguez-Rueda

Resumo


O estudo das emoções tem sido uma das áreas de mais investigação mais importantes das ciências sociais. A psicologia social também tem contribuído para o estudo das emoções, entendida como construção social. Especificamente, neste artigo, fizemos uma discussão sobre as características gerais da psicologia das emoções e as possíveis linhas de continuidade desta área de investigação. Nesse sentido, realizamos revisões de referências bibliográficas dos últimos anos, organizando-as tematicamente e classificando em três categorias: 1) percepção da natureza das emoções; 2) processo de consumo das emoções; 3) práticas discursivas das emoções. Na primeira categoria, consideramos as principais e mais recentes investigações sobre a percepção sobre a natureza de uma emoção as quais sintetizamos em cinco aspectos: antropologia, semântica, comunicação, construção de identidade e aquela que escapa do controle social. Na segunda categoria tratamos dos trabalhos que entendem as emoções como produto de consumo. Finalmente, na terceira, revisamos os estudos que concebem as emoções como produção lingüística.

Palavras chave: Psicologia da emoção; psicologia social da emoção; estudos do discurso da emoção; construção social da emoção.

Texto completo:

PDF




e-ISSN: 1980-8623 | ISSN-L: 0103-5371


Exceto onde especificado diferentemente, aplicam-se à matéria publicada neste periódico os termos de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional, que permite o uso irrestrito, a distribuição e a reprodução em qualquer meio desde que a publicação original seja corretamente citada.