A psicologia Heideggeriana

Marcelo Vial Roehe

Resumo


O artigo aborda a influência do filósofo Martin Heidegger na psicologia considerando primeiro, sua contribuição para o debate científico/epistemológico; a seguir apresenta a Daseinsanalyse, psicoterapia desenvolvida com base em seus escritos e alguma colaboração pessoal do próprio filósofo e, por fim, a possibilidade de entendimento de fenômenos psicológicos a partir da analítica existencial apresentada na obra Ser e Tempo.

Palavras-chave


Psicologia fenomenológica; psicologia existencial; Heidegger; Daseinsanalyse.

Texto completo:

PDF


e-ISSN: 1980-8623 | ISSN-L: 0103-5371


Exceto onde especificado diferentemente, aplicam-se à matéria publicada neste periódico os termos de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional, que permite o uso irrestrito, a distribuição e a reprodução em qualquer meio desde que a publicação original seja corretamente citada.