Controle, Flagrante e Prazer: regimes escópicos e atencionais da vigilância nas cidades

Fernanda Bruno

Resumo


O artigo analisa regimes escópicos e atencionais presentes em dispositivos e práticas de vigilância nas cidades atuais. Pretende-se mostrar como tais regimes envolvem não apenas procedimentos de controle, mas, também, circuitos de prazer, atualizando as relações entre vigilância e espetáculo na cultura contemporânea. Nesta mistura de controle e prazer destaca-se uma lógica e uma estética do flagrante presentes no olhar e na atenção vigilantes sobre a cidade e os indivíduos que nela circulam. Três campos de análise serão privilegiados: a incorporação da vídeo-vigilância aos espaços públicos e semi-públicos, a produção e difusão de imagens amadoras e os sistemas informacionais e cartográficos de visualização do espaço urbano.

Palavras-chave


Vigilância; prazer; controle

Texto completo:

PDF

Referências


BARTHES, R. O rumor da língua. São Paulo: Martins Fontes, 2004.

BOGARD, W. The Simulation of Surveillance: Hypercontrol in Telematic Societies. New York, NY: Cambridge University Press, 1996.

BRASIL, A., MIGLIORIN, C. Saddam e Cicarelli: nossas imagens. In: Revista Cinética. Disponível em: http://www.revistacinetica.com.br/saddamcicarelli.htm Acesso em: 15 ago. 2007.

BRUNO, F., PEDRO, R. M. L. R. Entre Aparecer e Ser: tecnologia, espetáculo e subjetividade contemporânea. Intexto, Porto Alegre, v. 11, p. 1-10, 2004. Disponível em: http://www.intexto.ufrgs.br/n11/a-n11a9.html Acesso em: 20 aog. 2007.

CRARY, J. L'art de l’observateur: Vision et modernité au XIX siècle. Nîmes: Éditions Jacqueline Chambon, 1994

______. Suspensions of Perception: Attention, Spectacle, and Modern Culture. Cambridge, MA, London: MIT Press, 1999.

FREIRE FILHO, J. A Sociedade do Espetáculo Revisitada. Famecos, v. 22, p. 33-45, 2003.

FREUD, S. Um caso de paranóia que contraria a teoria psicanalítica da doença. In ESB XIV. Rio de Janeiro: Imago, 1980.

GUNNING, T. O retrato do corpo humano: a fotografia, os detetives e os primórdios do cinema. In: Leo Charney; Vanessa R. Schwartz. O cinema e a invenção da vida moderna. São Paulo: Cosac & Naify, 2004.

JAY, M. Les régimes scopiques de la modernité. In: Réseaux. Septembre-octobre, n. 61, 1993.

KOSKELA, H. Webcams, TV Shows and Mobile phones: Empowering Exhibitionism. In: Norris, C., Mc-Cahill, M. e Wood, D. (eds.). Surveillance & Society CCTV Special, v. 2, n. 2, 2004. Disponível em: http://www.surveillance-and-society.org/cctv.htm Acesso em: 21 ago. 2007.

LEMOS, A. Comunicação e práticas sociais no espaço urbano: as características dos Dispositivos Híbridos Móveis de Conexão. Multirredes (DHMCM). In: Comunicação, mídia e consumo. São Paulo, v. 4, n. 10, p. 23-40, jul. 2007.

LYON, D. The Electronic Eye: The Rise of the Surveillance Society. Minneapolis: University of Minnesota Press, 1994.

LIANOS, M. Le nouveau controle social. Paris: L’Harmattan, 2001.

______. Le Contrôle Social après Foucault. Surveillance & Society, v. 1, n. 3, p. 431-438, 2003. Disponível em: http://www.surveillance-and-society.org Acesso em: 20 ago. 2007.

MARX, G. What’s new about the "new surveillance"? Surveillance and Society, v. 1, n. 1, p. 9-29, 2004. Disponível em: http://www.surveillance-and-society.org Acesso em: 22 ago. 2007.

MARZOCHI, I. F. Paradoxos do visível: reality shows, estética e biopolítica. Dissertação (Mestrado em Comunicação Social), Universidade Federal Fluminense, 2007.

METZ, C. Le Significant Imaginaire: Psychanalyse et Cinema. Paris: Bourgeois, 1984.

MÜLLER, C., BOOS, D. Zürich main railway station: A typology of public CCTV systems. Surveillance and Society, v. 2, 2004. Disponível em: http://www.surveillance-and-society.org Acesso em: 26 ago. 2007.

ORWELL, G. 1984. Rio de Janeiro: Nacional, 2003. SEKULA, A. The Body and the Archive. In: October, v. 39, p. 3-64, 1986.

SINGER, B. Modernidade, hiperestímulo e o início do sensacionalismo popular. In: CHARNEY, Leo; SCHWARTZ, Vanessa R. O cinema e a invenção da vida moderna. São Paulo: Cosac & Naify, 2004.

STAROBINSKY, J. Os emblemas da razão. São Paulo: Companhia das Letras, 1989.

WOOD, D. M. (Ed.). A Report on the Surveillance Society - For the Information Commissioner by the Surveillance Studies Network, 2006.




DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1980-3729.2008.37.4799

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Métricas por PLOS ALM. Dados disponíveis somente após 12/2014.



 


 This journal is a member of, and subscribes to the principles of, the Committee on Publication Ethics (COPE) http://www.publicationethics.org

 


Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.


ISSN-L: 1415-0549 | e-ISSN: 1980-3729 | Copyright: © 2017 EDIPUCRS

Avaliação do Qualis CAPES | ÁREA CAPES - Comunicação e Informação | CLASSIFICAÇÃO - A2

REVISTA FAMECOS: publicação do Programa de Pós-Graduação da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PPGCOM/PUCRS
Av. Ipiranga, 6681, Prédio 7 | Bairro Partenon - CEP: 90619-900 | Porto Alegre, RS, Brasil
tel/fax: 55 51 3320.3658
e-mail: revistadafamecos@pucrs.br

Copyright: © 2006-2017 EDIPUCRS