Recepção de TV: ativa e personalizada, um campo minado

O artigo de Neura Cézar apresenta um estudo sobre a recepção com o olhar voltado para a dimensão emocional, chamando a atenção para as dualidades e contradições que afetam o processo receptivo bem como para os mecanismos emocionais empregados pela TV. Os resultados indicam a necessidade de se criar uma consciência acerca da discussão do tema “recepção” relacionado à dimensão emocional, já que os efeitos da televisão (mídias), sua influência, intencional ou não, consciente ou inconsciente, exerce-se na esfera da emotividade. É desde a emoção que ela pode incidir sobre o inconsciente e daí influenciar nossas crenças, valores e o nosso comportamento. Leia em:

http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/revistafamecos/article/view/24804