Cultura musical e comportamento dialógico: uma abordagem cognitivista para a interação via linguagem musical

Maurício Fernandes Neves Benfatti, Aristeu Mazuroski Jr, Elena Godoi

Resumo


O presente trabalho tem o intuito de apresentar um modelo cognitivo para a comunicação via linguagem musical. Partimos do pressuposto de que manifestações comunicativas são comportamentos que visam acarretar outros comportamentos frente às demandas sociais envolvidas em uma interação. Desta forma, argumentamos que músicas podem ser utilizadas como ferramentas dialógicas, ou seja, concebemos que o comportamento comunicativo adjacente às manifestações musicais pode ser observado a partir da capacidade de musicalidades desencadearem comportamentos em ouvintes de música. Neste sentido, argumentamos que uma interação dialógica depende não apenas do conteúdo informativo que é transmitido, mas principalmente da interação de domínios cognitivos que promovem a socialização inerente a diversos domínios de atividade humana.

Palavras-chave


Música; Diálogo; Metacognição; Atenção Conjunta, Socialização.

Texto completo:

PDF


e-ISSN: 1984-4301 

 

Avaliação do Qualis CAPES - 2013/2016

ÁREA CAPES - Linguística / Literatura

CLASSIFICAÇÃO DE PERIÓDICO - B1



Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

 

 

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS