Diálogo sobre grandes defeitos

Daisy Batista Pail

Resumo


Neste trabalho é apresentada a Teoria do Diálogo (COSTA), na qual se assume que há uma tendência natural para conectividade. A partir disso é possível explicar a tendência natural que o homem tem para a comunicação. Considera-se pelo menos quatro níveis articulados para descrição do diálogo: o dito explícito, o dito implícito, o intencional e o inferencial. São discutidas teorias e modelos inferenciais para construir uma interface para descrição do nível inferencial, como proposto na teoria do diálogo.

Palavras-chave


teoria do diálogo; teoria das implicaturas; teoria da relevância; intenções; inferências

Texto completo:

PDF


e-ISSN: 1984-4301 

 

Avaliação do Qualis CAPES - 2013/2016

ÁREA CAPES - Linguística / Literatura

CLASSIFICAÇÃO DE PERIÓDICO - B1



Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

 

 

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS