Breve navegação de uma gata de jade

Luís Alberto dos Santos Paz Filho

Resumo


O presente trabalho tem por objetivo analisar o romance Requiem para o navegador solitário, de Luís Cardoso, a fim de se observar a constituição metafórica da figura do navegador. Realiza-se uma breve retrospectiva da imagem das navegações para o cenário lusófono - sobretudo para os feitos portugueses. Avalia-se, também, nessa pesquisa, o cenário histórico-político de Portugal sobre o comando salazarista em relação à sua colônia no Timor, frente à inevitável Segunda Grande Guerra. Sob o ponto de vista do imaginário, a leitura da viagem como atitude de libertação é revisitada na transposição do locus primordial da ação para uma personagem feminina, jovem, do oriente, obrigada (e instigada por si só) a aventurar-se por Díli em busca de seu príncipe encantado e de um encontro finalmente íntimo consigo própria.


Palavras-chave


Navegação; Literatura timorense; Viagem.

Texto completo:

PDF

Referências


ALBUQUERQUE, Pedro Gabriel Reis. Caleidoscópio literário: a representação romanesca em Luís Cardoso. 2014. 152f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Aberta, Lisboa, 2014.

ALMEIDA, Claudio. Representações do deslocamento no texto literário, Itinerários, Araraquara, n. 32, p. 111-125, jan./jun. 2011.

BACHELARD, Gaston. A água e os sonhos: ensaio sobre a imaginação da matéria. São Paulo: Martins Fontes, 1998.

BARBOSA, Damares. Requiem para o navegador solitário, de Luís Cardoso. Resenha publicada na Revista Crioula, n. 8, nov. 2010.

BARRETO, Luiza Puntar Muniz. Deslocamentos espaciais e identitários-afetivos dos sujeitos em trânsit. Revista LitCult, v. 9, 2º sem. 2015.

CAMÕES, Luís. Os lusíadas: edição antológica, comentada e comparada com Ilíada, Odisseia e Eneida por Hennio Morgan Birchal. São Paulo: Landy, 2005.

CARDOSO, Luís. Requiem para o navegador solitário. Lisboa: Dom Quixote, 2006.

CARDOSO, Sérgio. O olhar do viajante (do etnólogo). In: NOVAES, A. (Org.). O olhar. 5. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 1988.

COSTA, Letícia Vilella Lima da. Metáforas do mosaico: Timor Leste em Ruy Cinatti e Luís Cardoso. 2012. 170f. Tese (Doutorado) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012.

DIEGUES, Antonio Carlos. Ilhas e mares: simbolismo e imaginário. Hucitec, 1998.

DUTRA, Diego Pimentel de Souza. A cultura dos descobrimentos em Portugal: um estudo da relação entre a Sabedoria do Mar e o Conhecimento Acadêmico na Renascença. 2013. 122f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2013.

FERREIRA, Priscilla de Oliveira. Que Timor é este na literatura de Luís Cardoso? 2014. 245f. Tese (Doutorado) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2014.

IANNI, Octavio. A metáfora da viagem. In: Enigmas da modernidade-mundo. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2000.

LIMA, Carlos Henrique Lucas. A questão transcontinental em Requiem para o navegador solitário. Revista desenredos, ano IV, n. 14, Teresina, 2012.

LISBOA, Adriana. Rakushisha. Ed. Alfaguara, Rocco, 2007.

MAFFESOLI, Michel. O imaginário é uma realidade. Revista FAMECOS, n. 15, 2001.

MEDEIROS, Aldinida. Travessias pela literatura portuguesa estudos críticos de Saramago a Vieira. Campina Grande: Eduepb, 2013.

MELO NETO, João Cabral de. Obra completa. Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 1994.

NETO, Leandro Carvalho Dascena. Expansão marítima portuguesa. Disponível em: . Acesso em: 10 nov. 2017.

PAULINO, Vicente; QUEIROGA, Mariene de Fátima Cordeio. A memória da infância e a formação da nação emergente em Luís Cardoso. Via atlântica, São Paulo, n. 31, p. 269-284, 2017.

PEREIRA, Claudiany. Luís Cardoso e a vivência da diáspora: nota sobre a literatura de Timor Leste. Revista Língua e Literatura, Frederico Westphalen, v. 8, n. 12, p. 37-48, 2006.

RAMON, Micaela. Contributos para a constituição de um cânone lusófono: Timor-Leste no contexto da produção literária em língua portuguesa. Interfaces da lusofonia, Centro de estudos de comunicação e sociedade, Braga, Universidade do Minho.

Disponível em:. Acesso em: 08 ago. 2018.

RAMOS, Fábio Pestana. O apogeu e declínio do ciclo das especiarias: uma análise comparativa das navegações portuguesas da Carreira da Índia e da Carreira do Brasil. 2002. 718f. Tese (Doutorado) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.

TORGA, Miguel. Câmara ardente. Coimbra: Coimbra Editora, 1962.




DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1984-4301.2018.3.31249

e-ISSN: 1984-4301 

 

Avaliação do Qualis CAPES - 2013/2016

ÁREA CAPES - Linguística / Literatura

CLASSIFICAÇÃO DE PERIÓDICO - B1



Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

 

 

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS