Redução e apagamento de vogais átonas finais na fala de crianças e adultos de Florianópolis: uma análise acústica

Eva Christina Orzechowski Dias, Izabel Christine Seara

Resumo


Este trabalho analisou os fenômenos de redução e apagamento vocálico no falar florianopolitano, a partir de dados de um adulto e de duas crianças com idade de seis anos. O objetivo foi verificar se as crianças produzem esse fenômeno encontrado em dados de falantes florianopolitanos. Para isso, foi observado o efeito da tonicidade e da idade sobre os valores de duração absoluta e relativa e frequências formânticas normalizadas (F1 e F2) das vogais tônicas ([i, , u]) e átonas finais ([ɪ, ɐ, ʊ]). Os resultados mostraram que as vogais átonas finais apresentam menor duração e redução do espaço acústico, para ambos os grupos. A idade influenciou somente a duração absoluta, o que foi associado às diferenças de taxas de elocução dos grupos. Os casos de apagamento vocálico foram interpretados como gradientes fônicos. O estudo pretendeu contribuir para estudos sobre a fala infantil e para a caracterização desta variedade.

Palavras-chave


Fala Infantil; falar florianopolitano; redução vocálica; vogais átonas finais.

Texto completo:

PDF


e-ISSN: 1984-4301 

 

Avaliação do Qualis CAPES - 2013/2016

ÁREA CAPES - Linguística / Literatura

CLASSIFICAÇÃO DE PERIÓDICO - B1



Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

 

 

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS