Amor Mundi – atualidade e recepção da obra de Hannah Arendt

Wolfgang Heuer, Vinícius Liebel

Resumo


Apresentação do Dossiê Amor Mundi - Atualidade e Recepção de Hannah Arendt.


Texto completo:

PDF

Referências


ARAÚJO, Ricardo Benzaquen de. Totalitarismo e revolução: o integralismo de Plínio Salgado. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1988.

ARENDT, Hannah. Sobre a Revolução. São Paulo: Cia das Letras, 2011.

______. Origens do Totalitarismo. São Paulo: Cia das Letras, 2012.

______. Eichmann em Jerusalém. São Paulo: Cia das Letras, 1999.

______. Statelesseness (1955). In: HannahArendt.net – Journal for Political Thinking. v. 5, n. 1, Nov 2009. Disponível em:

www.hannaharendt.net/>. Acesso em: 15 jul. 2017.

______. O conceito de amor em Santo Agostinho. Rio de Janeiro:

Instituto Piaget, 1997.

______. Compreensão e política. In: A dignidade da política. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 2002. p. 39-53.

ARENDT, Hannah; JASPERS, Karl. Correspondence 1926-1969. Boston: Harcourt, 1992.

ARENDT, Hannah; McCARTHY, Mary. Between Friends: The Correspondence of Hannah Arendt and Mary McCarthy 1949-1975. Boston: Harcourt, 1995.

ARENDT, Hannah; HEIDEGGER, Martin. Letters 1925-1975. Boston: Harcourt, 1998.

ASSY, Bethânia. Hannah Arendt: An Ethics of Personal Responsibility. Berlin/Oxford/New York: Peter Lang, 2008.

______. Ética, responsabilidade e juízo em Hannah Arendt. São Paulo: Perspectiva, 2015.

BENHABIB, Seyla. The Reluctant Modernism of Hannah Arendt.

Lanhan: Rowman & Littlefield, 1996.

DENSBERGER, Kathryn. A History of the Reception of the Work of Hannah Arendt & Why It's So Popular Now. Paper presented at the annual meeting of the American Sociological Association Annual Meeting. Sheraton Boston and the Boston Marriott Copley Place, Boston, MA, July 31, 2008. Disponível em: . Consultado em: 12 jul. 2017.

DUARTE, André. O pensamento à sombra da ruptura. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2000.

______. Vidas em risco – crítica do presente em Heidegger, Arendt e Foucault. Rio de Janeiro: Forense, 2010.

HONNETH, Axel. Vorwort. In: SHKLAR, Judith N. Fröhliche Wissenschaft: Der Liberalismus der Furcht. Berlin: Matthes und Seitz, 2014.

JARDIM, Eduardo. A duas vozes – Hannah Arendt e Octavio Paz. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2007.

______. Hannah Arendt – pensadora da crise e de um novo início. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2011.

KING, Richard H.; STONE, Dan (Org.). Hannah Arendt and the Uses of History. New York: Berghahn, 2007.

LAFER, Celso. Hannah Arendt: pensamento, persuasão e poder. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1979.

______. A reconstrução dos Direitos Humanos – um diálogo com o pensamento de Hannah Arendt. São Paulo: Cia das Letras, 1988.

RINGER, Fritz. O declínio dos mandarins alemães: a comunidade acadêmica alemã, 1890-1933. São Paulo: EDUSP, 2000.

SCHITTINO, Renata. Hannah Arendt: a política e a história. Curitiba: Prismas, 2015.

TELES, Edson. Ação política em Hannah Arendt. São Paulo: Barcarolla, 2013.

VOEGELIN, Eric. Hannah Arendt. In: Über den Totalitarismus: Texte Hannah Arendts aus den Jahren 1951 und 1953. Dresden: Hannah Arendt Institut für Totalitarismusforschung, 1998.




DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1980-864X.2017.3.29053

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

e-ISSN: 1980-864X | ISSN-L: 0101-4064

Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios - www.publicationethics.org



AVALIAÇÃO QUALIS CAPES - 2016 
ÁREA CAPES - História
CLASSIFICAÇÃO - A2

INDEXADORES E PORTAIS

  • Web of Science - Master Journals List (Clarivate Analytics)
  • SSCI - Social Sciences Citation Index (Clarivate Analytics)
  • AHCI - Arts and Humanities Citation Index (Clarivate Analytics)
  • Scopus (Elsevier)
  • SJR - ScIMAGO Journal & Country Rank (Elsevier)
  • Historical Abstracts with Full Text (EBSCO)
  • Academic Search Premier (EBSCO)
  • Fonte Acadêmica (EBSCO)
  • Fuente Academica (EBSCO)
  • CLASE - Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades
  • DOAJ - Directory of Open Access Journals
  • LATINDEX - Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal
  • REDALYC - Red de Revistas Científicas de América Latina y el Caribe, España y Portugal
  • Portal CAPES

FATOR DE IMPACTO NO SJR (SCImago Journal & Country Rank)

SCImago Journal & Country Rank

Licença Creative Commons OriginalityCheck®
Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional. 
TurnITin
Todos os artigos são submetidos ao software Turnitin, antes de iniciar qualquer tipo de avaliação.
Diadorim  Open Access 
Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul. 
 

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS