Sentir-se bem em família: um desafio frente à diversidade

Adriana Wagner, Daniela Centenaro Levandowski

Resumo


No presente trabalho, discutimos acerca das crises da família, apresentando informações que demonstram a diversidade de configurações familiares existentes no contexto brasileiro atual, tais como separações, divórcios, uniões consensuais, casais sem filhos, recasamentos, dentre outras. Desse modo, refletimos acerca da crise do modelo tradicional de família e não da instituição família, questionando: Como sentir-se bem em família frente a tal pluralidade? Sugerimos, então, alguns aspectos que devem ser observados para atender as demandas dessas novas famílias e, conseqüentemente, promover a saúde de seus membros.

Palavras-chave – Novas configurações familiares. Diversidade. Família. Crise.

Texto completo:

PDF


e-ISSN: 1677-9509


Exceto onde especificado diferentemente, aplicam-se à matéria publicada neste periódico os termos de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional, que permite o uso irrestrito, a distribuição e a reprodução em qualquer meio desde que a publicação original seja corretamente citada.