A relação de ajuda e a acção social no contexto universitário: a entrevista de ajuda nos serviços de acção social em Portugal

Maria Graça Rafael

Resumo


O presente artigo tem como tema “A entrevista de ajuda nos serviços de acção social” e tem como pano de fundo a prática profissional, como Assistente Social nos Serviços de Acção Social da Universidade do Algarve, assim como os trabalhos de investigação e caracterização desenvolvidos. Considerando os objectivos definidos para a Acção Social no ensino superior, pretende-se apresentar uma reflexão sobre a intervenção do Assistente Social, no âmbito das suas competências ao nível da Acção Social, assumindo-se a perspectiva de que o Assistente Social nos Serviços de Acção Social não deve limitar-se à “assistência social”, mas deve, para além disso, ser o “facilitador” de um processo de desenvolvimento e de crescimento do estudante. Nesta perspectiva, a Entrevista na Acção Social, mais do que um “instrumento” técnico utilizado para a atribuição de benefícios sociais, deve permitir identificar, prevenir e apoiar o aluno, na resolução dos seus problemas e dificuldades psicossociais, ou seja, deve permitir o estabelecimento de uma Relação de Ajuda.

Palavras-chave – Entrevista de ajuda. Acção social. Estudante universitário. Relação de ajuda.

Texto completo:

PDF



Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Textos & Contextos (Porto Alegre)
eISSN: 1677-9509
DOI: 10.15448/1677-9509
Avaliação do Qualis CAPES - 2016
Área Capes - Serviço Social
Classificação: A2
E-mail: textos@pucrs.br
 
 
Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul
 
 
Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS