A Feminização da Velhice: em foco as características socioeconômicas, pessoais e familiares das idosas e o risco social / The Feminization of Old Age: a focus on the socioeconomic, personal and family characteristics of the elderly and the social risk

Alessandra Vieira Almeida, Simone Caldas Tavares Mafra, Emília Pio da Silva, Solange Kanso

Resumo


RESUMO – Dentro do processo de envelhecimento populacional, destaca-se a feminização da velhice, ou seja, o predomínio de mulheres na população idosa. Porém, viver mais pode não ser sinônimo de viver melhor. O objetivo deste estudo foi caracterizar o perfil socioeconômico, pessoal e familiar das idosas do “Clube da Vovó”, em Viçosa/MG, além de identificar os tipos de riscos sociais enfrentados por elas associados a esse perfil. O estudo de caso foi realizado no ano de 2014. Tratou-se de um estudo qualitativo e quantitativo em que foram entrevistadas 40 idosas. Utilizou-se para a análise dos dados o SPSS e a análise de conteúdo. Destacou-se o número significativo de octogenárias e viúvas. Aspectos como a baixa renda e a baixa escolaridade foram encontrados. O estado de saúde das idosas foi majoritariamente avaliado como bom. Esses fatores, associados à percepção da velhice pelas idosas, revelaram que o envelhecimento feminino acarreta consequências que permitem inferir que elas estão em potencial risco social.

Palavras-chave – Envelhecimento. Feminização da velhice. Risco social.

ABSTRACT – An important aspect in the aging process of the population is the feminization of old age, that is, the predominance of women in the elder population. However, living longer not necessarily means to live better. The aim of this study was to characterize the socioeconomic, personal and family profiles of the elderly women from the “Clube da Vovó” in Viçosa/MG. Besides, we intended to identify the types of social risks faced by that population that are related to this subject. The study was conducted in 2014 and was qualitative and quantitative.  40 elderly women were interviewed. The analysis of the data  was carried out through the usage of the SPSS software and content analysis. The major point was the significant number of octogenarians and widows. Aspects such as low income and low education were unveiled. The health status of the elderlies was mostly rated as good. These factors, associated with the perception of old age by the women, revealed that the aging of women brings consequences that allow us to infer that they are in a potential social risk.

Keywords – Aging. Feminization of old age. Social Risk.


Palavras-chave


Envelhecimento; Mulher idosa, Risco Social

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1677-9509.2015.1.19830


Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Textos & Contextos (Porto Alegre)
eISSN: 1677-9509
DOI: 10.15448/1677-9509
Avaliação do Qualis CAPES - 2016
Área Capes - Serviço Social
Classificação: A2
E-mail: textos@pucrs.br
 
 
Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul
 
 
Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS