A polifonia de enunciadores nas cartas dos leitores: uma abordagem enunciativa

Telma Cristina Gomes da Silva

Resumo


Este trabalho analisa o gênero discursivo carta do leitor à luz da Teoria da Argumentação na Língua desenvolvida por Anscombre, Ducrot (1977, 1987, 1988) e colaboradores para quem a língua e seus usos são fundamentalmente argumentativos. A análise incide sobre uma amostragem constituída por 03 cartas dos leitores recortadas de um corpus mais amplos coletado nas revistas Istoé e Veja entre janeiro e março de 2003. Nesse corpus, identificamos as marcas linguístico-discursivas ativadoras de pressuposto, considerando o dialogismo entre o locutor e os outros enunciadores (vozes sociais) para a constituição da carta. Os resultados apontaram que a negação polêmica constitui um recurso linguístico produtor de sentido na carta do leitor, mostrando a polifonia de enunciadores como uma das principais estratégias argumentativas nesse gênero discursivo.

 

************************************************************************************************************************************************************************************************************

 

The polyphony enunciators in letters from readers: a stated approach

 

Abstract: This paper analyzes the discursive genre reader’s letter to the Theory of Argumentation in language developed by Anscombre, Ducrot (1977, 1987, 1988) and colleagues for whom language and its uses are fundamentally argumentative. The analysis focuses on a sample consisting of 03 letters from readers cut out of a larger corpus collected in magazines and Istoé and Veja between January and March 2003. In this corpus, we identify the linguistic discursive marks activating assumption considering the dialogism between speaker and other enunciators (social voices) for the establishment of the letter. The results showed that the controversy denial is a linguistic resource producer of meaning in the reader’s letter, showing the polyphony enunciators as a major argumentative strategies in this discursive genre.

 

Keywords: Argumentation; Discursive genre; Polyphony enunciators


Palavras-chave


Argumentação; Gênero discursivo; Polifonia de enunciadores

Texto completo:

PDF

Referências


BAKHTIN, M. Estética da criação verbal. 2. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2000.

BAKHTIN, M. Problemas da poética de Dostoiévski. Tradução por Paulo Bezerra. Rio de Janeiro: Ed. Forense-Universitária, 2002.

CUNHA, L. C.; DINIZ, W. Espionagem: Grampo que vem da Bahia. Revista ISTOÉ, São Paulo, n. 1741, p. 29-33, 12 fev. 2003.

CUNHA, L. C.; DINIZ, W. Congresso: Impressões Digitais. Revista ISTOÉ, São Paulo, n. 1743, p. 24-28, 26 fev. 2003.

CUNHA, L. C.; DINIZ, W. Política: Confissões de ACM. Revista ISTOÉ, São Paulo, n. 1742, p. 29-33, 12 fev. 2003.

CUNHA, L. C.; DINIZ, W. Congresso: Grampo com Recibo. Revista ISTOÉ, São Paulo, n. 1745, p. 38-41, 12 mar. 2003.

CUNHA, L. C.; DINIZ, W. Política: Grampos em Família. Revista ISTOÉ, São Paulo, n. 1746, p. 30-31, 19 mar. 2003.

DUCROT, O. Princípios de Semântica Lingüística (dizer e não dizer). São Paulo: Cultrix, 1977. p. 11-148; p. 232-234.

DUCROT, O. O dizer e o dito. Campinas, SP: Pontes, 1987.

DUCROT, O. Polifonia y argumentacion. Universidade del Valle – Cali, 1988.

ESPÍNDOLA, L. C. A Entrevista: um olhar argumentativo. João Pessoa: EDUFPB, 2004.

KOCH, I. G. V. Desvendando os segredos do texto. São Paulo: Cortez, 2002.

MELO, C. T. V. Cartas à redação: uma abordagem discursiva. Tese de Doutorado, UNICAMP, 1999.

PARENTES SILVA, V. L. Variações tipológicas no gênero textual carta. In: KOCH, I. G. V.; BARROS, K. S. M. de (orgs.). Tópicos em lingüística de texto e análise da conversação. Natal: EDUFRN, 1997. p. 118-124.

PERELMAN, C. O império retórico: retórica e argumentação. 2. ed. Lisboa: Asa Editores, 1999.

SILVA, J. M.; ESPÍNDOLA, L. (orgs.). Argumentação na língua: da pressuposição aos Topoi. João Pessoa: Editora Universitária/UFPB, 2004.

SOUTO MAIOR, A. C. O gênero carta – Variedade, uso e estrutura. In: Ao pé da letra. UFPE, v. 3, p. 1-13, 2001.




DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1984-7726.2016.1.21595

e-ISSN: 1984-7726 | ISSN-L: 0101-3335


Exceto onde especificado diferentemente, aplicam-se à matéria publicada neste periódico os termos de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional, que permite o uso irrestrito, a distribuição e a reprodução em qualquer meio desde que a publicação original seja corretamente citada.