Avaliação do consumo alimentar em pacientes HIV positivos com lipodistrofia

Claudia Daniele Tavares Dutra, Liliane de Cássia de Negreiro Salla, Mônica Cristina Mendes Marquês, Rosana Maria Feio Libonati

Resumo


Objetivo: Identificar o perfil do consumo alimentar dos pacientes HIV positivos com lipodistrofia. Materiais e Métodos: Estudo transversal, descritivo, realizado no ano de 2010 em pacientes HIV positivos com lipodistrofia em uso de terapia antirretroviral, atendidos em um Hospital de Referência do Norte do Brasil, na cidade de Belém- Pará. Foram coletados dados sóciodemográficos e de consumo alimentar. Para o consumo alimentar utilizou-se o método recordatório de 24hs, aplicado em dois dias úteis da semana e um no final da semana. Resultados: Foram avaliados 39 pacientes. A análise da composição da dieta em relação aos macronutrientes mostrou um consumo adequado em calorias e lipídios, entretanto com níveis elevados de proteínas (>15%) e insuficiente de carboidratos (52mg). O colesterol presente na dieta foi excessivo (>200mg) em ambos os sexos. Conclusão: A dieta consumida pelos pacientes lipodistróficos apresentou inadequação em relação aos macronutrientes e micronutrientes, portanto havendo necessidade de um acompanhamento nutricional.

Palavras-chave


HIV; alimentação; macronutrientes; micronutrientes; lipodistrofia

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1983-652X.2011.2.9483

 

e-ISSN: 1983-652X 

 

Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

***


Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons BY-NC 4.0 Internacional

 ***

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.   

 Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS