Avaliação da dor como quinto sinal vital na classificação de risco: um estudo com enfermeiros

Flávia Franco Morais, Juliana Penido Matozinhos, Thiago Tomé Borges, Carolina Marques Borges, Ana Cristina Viana Campos

Resumo


Objetivo: Avaliar o uso da avaliação da dor e a classificação de risco utilizada por enfermeiras. Materiais e Métodos: Estudo transversal descritivo com amostra de 15 enfermeiros matriculados no curso de Urgência, Emergência e Trauma, Instituto de Educação Continuada, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. O instrumento utilizado para a coleta de dados foi um questionário, desenvolvido especialmente para este estudo, composto por seis questões referentes à percepção e conhecimento dos enfermeiros sobre avaliação de dor como sinal vital. Resultados: Do total de respondentes, quatorze (93,3%) eram do sexo feminino, nove (60,0%) tinha idade igual ou maior que 25 anos e o estado civil mais comumente relatado foi solteiro (66,6%). O tempo de formação variou entre dois e cinco anos. Apenas três (20,0%) participantes trabalhavam com classificação de risco e apesar de todos os enfermeiros afirmarem que a dor pode ajudar na classificação de risco, apenas 13 deles classificam a dor como sinal vital. Conclusão: Apesar da avaliação da dor ter sido considerada importante na classificação de risco pelos dos enfermeiros entrevistados, metade deles não utilizava a classificação de risco no serviço. Novos estudos se fazem necessários utilizando um desenho metodológico mais refinado bem como a investigação com outros profissionais de saúde.

Palavras-chave


dor; medição da dor; acolhimento; enfermagem

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1983-652X.2009.2.6378

 

e-ISSN: 1983-652X 

 

Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

***


Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons BY-NC 4.0 Internacional

 ***

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.   

 Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS