Classificação dos fármacos mais solicitados em um serviço de atendimento farmacêutico

Álisson Menezes Araújo Lima, Pablo Antonio Maia Farias, Cristiane Macedo Feijó, José Márcio Machado Batista

Resumo


Objetivo: Verificar e classificar o perfil das informações prestadas aos usuários atendidos por um Centro de Informações sobre Medicamentos (CIM) SAC Farma Pague Menos, instalado em uma rede de farmácias do Ceará - Brasil, no período de janeiro a dezembro de 2005. Materiais e Métodos: Os dados foram obtidos do banco de dados de informações farmacêuticas através do software Tactium Managment® 2005, desenvolvido pela Softium com capacidade para gerar um banco de dados capaz de catalogar informações de forma eficiente ao desenvolvimento da pesquisa. Resultados: O fármaco mais solicitado durante o período de estudo foi o Diclofenaco (5,08%), seguido do Paracetamol (4,53%) e o Levonorgestrel (3,51%). O 1º Nível da Classificação ATC mais solicitado foi o Nível A (16,58%), seguido dos Níveis N (15,55%) e G (14,97%) respectivamente. O 2º Nível mais solicitado da Classificação ATC foi o G03 com 13,29% das solicitações. Conclusões: O estudo demonstrou que Diclofenaco foi o fármaco mais solicitado para informações e que as classes dos hormônios sexuais, antiinfecciosos de uso sistêmicos e produtos antiinflamatórios e antireumáticos foram os mais registrados pela classificação ATC.

Palavras-chave


educação em farmácia; automedicação; preparações farmacêuticas

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1983-652X.2008.2.4390

 

e-ISSN: 1983-652X 

 

Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

***


Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons BY-NC 4.0 Internacional

 ***

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.   

 Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS