Diagnósticos de enfermagem em idosos de instituição de longa permanência

Daniel Nunes de Oliveira, Terezinha Fátima Gorreis, Marion Creutzberg, Beatriz Regina Lara dos Santos

Resumo


Objetivo: Identificar a prevalência de diagnósticos de enfermagem (DEs) em idosos residentes em Instituição de Longa Permanência para Idosos (ILPI) e associá-los a sexo e faixa etária. Materiais e Métodos: Estudo retrospectivo, com abordagem quantitativa. Coleta de dados em prontuários de 71 idosos de uma ILPI em Porto Alegre. Análise descritiva e inferencial dos dados por meio do SPSS 11.5. Resultados: Dos 173 DEs da NANDA houve prevalência de 34 diagnósticos. Houve associação entre sexo e Déficit no autocuidado para higiene / banho (p=0,037); entre idade e Comportamento de busca de saúde (p=0,009), Deambulação prejudicada (p=0,042), Risco de integridade da pele prejudicada (p=0,008). Conclusões: Os DEs identificados evidenciam a necessidade de cuidados de enfermagem contínuos e a sistematização da assistência gerontológica, garantindo cuidado integral ao idoso, aspecto inerente à função dessas instituições.

Palavras-chave


idoso; instituição de longa permanência para idosos; diagnóstico de enfermagem; envelhecimento

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1983-652X.2008.2.4194

 

e-ISSN: 1983-652X 

 

Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

***


Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons BY-NC 4.0 Internacional

 ***

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.   

 Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS