“Corredores Da Pobreza” E “Ilhas De Prosperidade”: uma análise espacial e multidimensional dos níveis de desenvolvimento na região sul do Brasil

Jean Max Tavares, Sabino da Silva Porto Junior

Resumo


Usando abordagens multidimensional e espacial, este artigo analisou um conjunto de 16 variáveis relativas a 1155 municípios da região Sul do Brasil, obtidas, em sua maioria, junto ao IBGE (2001) com o objetivo de verificar os diferentes níveis de desenvolvimento existentes, tanto intra quanto interestadual. Por meio da análise fuzzy cluster, verificou-se, dentre outros resultados, que os municípios menos desenvolvidos tendem a localizar-se mais distantes da capital de seu Estado, que os municípios desenvolvidos possuem a menor proporção de residentes nascidos no próprio município e que existem vários “corredores da pobreza”, “ilhas de prosperidade” e “janelas de não desenvolvimento”, responsáveis pela configuração espacial da região Sul como um todo e de seus Estados em particular.

Palavras-chave


Pobreza. Municípios. Aglomeração.

Texto completo:

PDF


ISSN-L: 1516-2680
e-ISSN:
1980-6302


Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. *Disponibilidade para depósito: Azul.

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS