Eficiência relativa dos setores econômicos do Rio Grande do Sul: uma aplicação do modelo DEA na matriz de insumo-produto

Eduardo Belisário M. C. Finamore, Adriano Provezano Gomes, Roberto Serpa Dias

Resumo




O artigo discute as diferenças de performance produtiva
entre 27 setores do Rio Grande do Sul, com base na metodologia
Data Envelopment Analysis (DEA). Os dados utilizados foram extraídos
das tabelas de insumo-produto e das contas econômicas
integradas do Rio Grande do Sul, do ano de 1998, fornecidas pela
Fundação de Economia e Estatística (FEE). Os resultados indicam
quais setores possuem maior eficiência na transformação de capital
(insumos) em mais capital (produtos), de forma a orientar os
agentes produtivos na busca contínua da melhor alocação dos
fatores de produção e, ainda ser usados em estudos sobre a dinâmica
do crescimento econômico, superando o marco estático da
análise de insumo-produto.

Palavras-chave: Análise envoltória de dados, matriz de insumoproduto,
análise setorial.

Abstract


This article discusses the productive performance of the
27 sectors of the Rio Grande do Sul, applying the methodology
designed Data Analysis Envelopment (DEA). The data was
obtained from input-output tables and economics accounts of the
State for the year 1998, supplied by the Fundação de Economia e
Estatística (FEE). The results indicate which sectors have an higher
efficiency in the transformation of capital (input) in more capital
(output), orienting the economic agents in their continuum search
for the best factors allocation and, also can be used in other studies about dynamic growth, overcoming the static analysis of
the input-output approach.

Key words: Data Analysis Envelopment. Input-output analysis.
Sector analysis.

JEL classification: R15 – Econometric and input-output models.
Other models.

Texto completo:

PDF


ISSN-L: 1516-2680
e-ISSN:
1980-6302


Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. *Disponibilidade para depósito: Azul.

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS