Apresentação - Dossiê: Partidos e representação política

Rafael Machado Madeira, Marcos Paulo dos Reis Quadros, Karolina Mattos Roeder, Vinícius Rodrigues Zuccolotto

Resumo


____

Texto completo:

PDF

Referências


BAQUERO, Marcello; CASTRO, Henrique; RANINCHESKI, Sônia. (Des)confiança nas instituições e partidos políticos na constituição de uma democracia inercial no Brasil: o caso das eleições de 2014. Política & Sociedade. Florianópolis - v. 15, n. 32, 2016.

DAHL, Robert. Poliarquia: Participação e Oposição. São Paulo: Editora Universidade de São Paulo, 1997.

DATAFOLHA. Partidos, Congresso e Presidência são instituições menos confiáveis do país. Pesquisa de opinião, 2018. Disponível em: . Acesso em: 21 dezembro de 2018.

DUVERGER, Maurice. Os Partidos Políticos. Rio de Janeiro: Zahar; Brasília: Universidade de Brasília, 2 edição 1980.

HUNTINGTON, Samuel. A terceira onda: democratização no final do século XX. São Paulo: Ática, 1994.

LAAKSO, M.; TAAGEPERA, R. 1979. “Effective” Number of Parties: a Measure with Application to Western Europe. Comparative Political Studies, 12(1), pp. 3-27.

LIJPHART, Arend. Modelos de Democracia. Civilização Brasileira: Rio de Janeiro, 2003.

MANIN, Bernard. As metamorfoses do governo representativo. Revista Brasileira de Ciências Sociais, n. 29, 1997.

MANIN, Bernard; PRZEWORSKI, Adam; STOKES, Susan C. Eleições e representação. Lua Nova, São Paulo, n. 67, p. 105-138, 2006.

MOISÉS, José Álvaro. A desconfiança nas instituições democráticas. Opinião Pública, Campinas, v. XI, n. 1, 2005.

MITCHELS, Robert. Sociologia dos Partidos Políticos. Brasília: UnB, 1982.

NICOLAU, Jairo. Sistemas Eleitorais. 5.ed. Rev. e atual. Rio de Janeiro: FGV, 2004.

O ’DONNELL, Guillermo. “Democracia Delegativa?” Novos Estudos CEBRAP, São Paulo, n. 31, 1996.

PANEBIANCO, Angelo. Modelos de Partido: organização e poder nos partidos políticos. São Paulo: Martins Fontes, 2005.

PITKIN, Hannah. The concept of Representation. Berkeley and Los Angeles: University of California Press, 1967.

PITKIN, Hanna. Representation: words, institutions and ideas. Lua Nova [online]. 2006, n.67, pp.15-47.

PRZEWORSKI, Adam. Democracia e Mercado – no Leste europeu e na América Latina. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1991.

RAE, Douglas W. The political consequences of electoral laws. New Haven: Yale University Press, 1967.

SALLUM, Basílio. Labirintos. Dos generais à Nova República. São Paulo: Huitec, 1996.

SARTORI, Giovanni. Partidos e sistemas partidários. Ed. brasileira rev. e ampl. Rio de Janeiro: Zahar; Brasília: Universidade de Brasília, 1982.

SHUMPETER, Joseph. Capitalismo, Socialismo e Democracia. Rio de Janeiro: Fundo de Cultura, 1961.

URBINATI, Nádia. O que torna a representação democrática. Lua Nova, São Paulo, n. 67, p. 191-228, 2006.

VIANNA, Francisco José. de Oliveira. Populações Meridionais do Brasil. Rio de Janeiro: José Olympio, 1952.

WEBER, M. 1967 (1918). Ciência e política: duas vocações. São Paulo: Cultrix.

YOUNG, Iris Marion. Inclusion and Democracy. Oxford: Oxford University, 2000.

ZAVERUCHA, Jorge. FHC, Forças Armadas e Polícia: entre o autoritarismo e a democracia (1999-2002). Rio de Janeiro: Record, 2005.




DOI: http://dx.doi.org/10.15448/2178-5694.2018.2.33079

e-ISSN: 2178-5694

 

Conversas & Controvérsias


Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

 

 Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS