Duas sociologias frankfurtianas: Sociologia do conhecimento versus teoria crítica?

Amalia Barboza

Resumo


O texto analisa a disputa entre a sociologia do conhecimento de Karl Mannheim e a teoria crítica, e mostra como estas duas sociologias, que conviveram no mesmo espaço em Frankfurt antes de 1933, em realidade compartilhavam muitos pontos comuns. A autora mostra, sobretudo em relação à consciência utópica, como estas duas sociologias alemãs defendiam caminhos parecidos antes de terem que abandonar a Alemanha com a chegada do nacionalsocialismo ao poder.

Palavras-chave


teoria crítica; sociologia do conhecimento; consciência utópica; Karl Mannheim

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1984-7289.2012.1.11150

Direitos autorais 2016 Civitas - Revista de Ciências Sociais

ISSN-L: 1519-6089  -  e-ISSN: 1984-7289

Civitas - Revista de Ciências Sociais

....................................................................................................................................................................................................

Este periódico é membro do Cope (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org


Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas editoriales de revistas científicas brasileñas. Disponibilidad de depósito: Azul .

Copyright: © 2006-2020 Edipucrs