INVENTÁRIO DA FAUNA DE FORMIGAS (HYMENOPTERA: FORMICIDAE) EM AMBIENTE DE SUCESSÃO ECOLÓGICA FLORÍSTICA NO MUNICÍPIO DE UNIÃO DA VITORIA, PARANÁ

Leandro Maciel, Jucélia Iantas, Franciélli Cristiane Gruchowski-W, Daniela Roberta Holdefer

Resumo


Com finalidade de conhecer e comparar a distribuição de comunidades de Formicidae em espaço arborícola no município de União da Vitória (S 26° 14´33,3”, W 51 08´50´´), realizaram-se coletas de campo, no período de outubro de 2005 a outubro de 2006 com uso de armadilhas do tipo Mcphail modificada. Ao final de 53 coletas, obteve-se 60.162 espécimes, distribuídas em 27 espécies, 14 gêneros, 11 tribos e 5 subfamílias. As tribos que mais se destacaram em número de espécies foram Camponotini com seis, Pheidolini com quatro e Pseudomyrmecini, Ponerini, Crematogastrini com três. Pseudomyrmex flavidulus (Fr. Smith, 1858), Pseudomyrmex gracilis (Fabricius, 1804), Pseudomyrmex sp1, Linepithema sp1,
Dorymyrmex brunneus (Forel, 1908), Pachycondyla villosa, Pheidole sp1, sp3, sp4, Cephalotes pusillus (Klug, 1804), Crematogaster corticícola, Crematogaster sp1, sp2, Camponotus diversipalpos (Santsche, 1922), Camponotus rufipes (Fabricius, 1775), Camponotus sp1, sp2, sp3, Paratrechina fulva (Mayr, 1862), Camponotus crassus ( Mayr, 1862) foram encontradas em 100% das amostras, sendo Dorymyrmex brunneus a espécie que mais se destacou em número, com 53.335 espécimes.

Palavras-chave


Formicidae, Dorymyrmex brunneus

Texto completo:

PDF




L-ISSN: 1679-5946
e-ISSN: 1679-6179

Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. *Disponibilidade para depósito: Azul.

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS