A estigmatização do gênero feminino em A hora da estrela: uma reflexão criminológica acerca da violência contra a mulher

Carlo Velho Masi, Gabriela Cruz Amato

Resumo


A presente análise trata das relações entre os gêneros e da histórica inferiorização da mulher a partir da obra literária “A Hora da Estrela”, de Clarice Lispector, demonstrando o forte vínculo entre a literatura e o direito. Por meio das situações vivenciadas no plano fictício pela personagem Macabéa, ergue-se um debate cujo foco central é a análise do ser e das circunstâncias em que vive, ensejando mobilizações para conquista de transformações sociais constantemente em processo evolutivo. Num esforço de interdisciplinaridade entre Sociologia Jurídica e Criminologia, apresenta-se uma análise feminista do direito (Feminist Legal Theory) que contrata com uma cultura patriarcal em um sistema dualista de pensamento, expondo a problemática da eficácia das normas sociais. Assim, busca-se disseminar a conscientização e mobilização coletiva em prol da consolidação de direitos equiparativos.

Palavras-chave


Direito; literatura; criminologia; sociologia jurídica; violência contra a mulher; interdisciplinaridade.

Texto completo:

PDF


ISSN-L: 0100-9079

e-ISSN: 1984-7718


Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

 

 Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

 

 Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS