A articulação entre a formação inicial e continuada de professores que ensinam matemática: o caso da Residência Pedagógica da Unifesp

Vanessa Dias Moretti

Resumo


Este trabalho apresenta e analisa ações articuladas de formação inicial e continuada de professores em três frentes de trabalho: o estágio supervisionado caracterizado como Residência Pedagógica no curso de Pedagogia da Universidade Federal de São Paulo, a disciplina de Metodologia do Ensino da Matemática e uma ação de extensão intitulada Oficina Pedagógica de Matemática realizada na escola-campo. Tendo como foco a aprendizagem do professor que ensina Matemática, evidencia-se a atividade colaborativa na formação docente como processo que possibilita a apropriação de novas formas do fazer do professor e, dessa forma, a atribuição de novas qualidades à sua atividade de ensino. Entendida de acordo com os pressupostos da teoria histórico-cultural como o processo de trabalho do professor, ela constituiu-se na necessária articulação entre a teoria e prática possibilitada por ações de formação implementadas em espaço de trabalho coletivo.

Palavras-chave


estágio supervisionado; formação de professores; ensino de matemática; formação continuada; teoria histórico-cultural

Texto completo:

PDF


Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org


Apoio Institucional – fev./dez. 2012 referente ao Edital MCTI/CNPq/MEC/CAPES Nº. 15/2011.




Educação

e-ISSN 1981-2582
ISSN-L 0101-465X


Avaliação do Qualis CAPES - 2014 
ÁREA CAPES - Educação
CLASSIFICAÇÃO - A2

E-mail: reveduc@pucrs.br



Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras.

Disponibilidade para depósito: Azul

 

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS