Aperfeiçoando os modelos de EAD existentes na formação de professores

José Manuel Moran

Resumo


Existem, basicamente, no Brasil dois grandes modelos de EAD, na formação de professores, com muitas variáveis: No primeiro, aparece mais o professor no seu papel tradicional, onde é visto pelos alunos ao vivo (tele-aula) ou em aula gravada (vídeo-aula). Além das aulas, há leituras e atividades presenciais e virtuais (modelo tele/vídeo-aula). No segundo modelo, o professor não “dá aula”, ele se comunica através de materiais impressos e digitais, escritos de forma dialogada e com tutoria presencial em pólos e/ou virtual, através da Internet. Utiliza alguns vídeos eventualmente, não sistematicamente (modelo WEB). O artigo mostra os avanços havidos na EAD na formação de professores e faz algumas propostas para termos efetivamente uma educação a distância de qualidade.

Palavras-chave


Educação a distância; ensino superior; tele-aula; educação online; formação de professores.

Texto completo:

PDF


Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org


Apoio Institucional – fev./dez. 2012 referente ao Edital MCTI/CNPq/MEC/CAPES Nº. 15/2011.




Educação

e-ISSN 1981-2582
ISSN-L 0101-465X


Avaliação do Qualis CAPES - 2014 
ÁREA CAPES - Educação
CLASSIFICAÇÃO - A2

E-mail: reveduc@pucrs.br



Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras.

Disponibilidade para depósito: Azul

 

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS